Vereadores de Itapoá prestam homenagem póstuma ao Senhor José Luiz Vizcaychipi de Aguiar, cidadão itapoaense

Imprimir
Criado em Terça, 02 Dezembro 2014

Na noite dessa segunda-feira (01), no plenário da Câmara Municipal de Itapoá, os vereadores manifestaram profundo pesar pela morte do Senhor José Luiz Vizcaychipi de Aguiar, falecido aos 04 de novembro de 2014, em Curitiba/PR.

Nascido na cidade de Itaqui/RS, em 20 de agosto de 1.938, foi casado com a Senhora Ilva Aguiar, tendo como filhos José Álvaro, Luiz Roberto e Henrique de Aguiar, sendo que estes dois últimos lhe deram 2 netos cada, Luiza e Diego, e Valentina e Caetano.

Zeca Aguiar, como era conhecido, veio para Itapoá em 1.958, com 20 anos de idade. Nestes 56 anos de vivência e convivência em Itapoá foi um desbravador, lutador e incentivador do desenvolvimento do Município.

Seu pioneirismo e visão para os negócios lhe propiciaram a implantação e comercialização de uma grande parte dos loteamentos da Cidade, como os balneários Princesa do mar, Praia das Conchas, Rainha do Mar, Mariluz, Palmeiras, Itamar, e Rosa dos Ventos. Foram mais de 07 km de orla e 10.000 terrenos, além da participação em outros bairros como Imperador, Brasília e Brandalize. Esses empreendimentos executados representam 20% da urbanização do Município.

Lutou muito pelos menos afortunados e pelo desenvolvimento de todos que aqui se instalaram. Já em 1.960, mantinha sob suas expensas uma farmácia gratuita, mais tarde, a cada 15 dias, trazia o único médico que aqui atendia a população. Construiu e doou a Prefeitura de Garuva, o hospital da cidade, o que também o fez em outro município do Paraná, Quatro Barras.

Entre algumas iniciativas, destacam-se a doação da quadra 01 até a 10 do loteamento Rainha do Mar, representados por mais de 200 lotes, para a construção da estrada Cornelsen; uma fazenda de 100 alqueires que foi doada à Prefeitura de Garuva para auxílio da construção da estrada de Itapoá à Figueira do Pontal; 02 quadras de frente ao mar, doadas para instalação de associações como a ASCB, as quais propiciaram a chegada dos veranistas pioneiros; doação de lotes para a construção de hotéis como o Hotel Rainha, assim como de igrejas, cemitério e colônia de pescadores.

Zeca Aguiar abriu mais de 100 km de ruas e valetas nos loteamentos da Cidade entre as décadas de 60 e 70, empregou centenas de famílias que não só aqui moravam, mas também vieram acreditando neste próspero Município. Implantou o primeiro gerador de luz na comunidade do Balneário Princesa do Mar, instalou em seu cartório o primeiro telefone da Cidade, via ondas de rádio, que atendia a comunidade. Ainda, foi cartorário entre os anos de 1.968 a 2.005.

O Senhor Zeca Aguiar também investiu na educação, auxiliando seus filhos e participando da implantação da primeira escola particular do Município e da implantação da Faculdade Vizcaya.

Foi em suas terras que se instalou o Porto de Itapoá e brevemente em terras que também eram suas se instalará o Porto da Coamo.

Zeca Aguiar foi sempre muito querido pela comunidade, amigos e família. Uma pessoa de gostos e gestos simples, mas de ações e atitudes grandiosas, que sempre soube compartilhar, oferecer e ajudar sem pensar em receber nada em troca. Sabia ouvir as pessoas e sempre tinha algo a lhes falar, deixando um legado de saudade, bons exemplos e orgulho àqueles que lhe conheceram.

É, pois, justa a homenagem póstuma dos vereadores de Itapoá, representantes do povo, a um cidadão que está a merecer a saudade da comunidade que ele tanto serviu.

 

© 2017 Francisco Soares - Câmara Municipal de Itapoá. Endereço: Rua Mariana Michels Borges, nº 1115, Itapema do Norte - Itapoá SC - Cep: 89249-000. Fone/Fax: (47)3443-6146